Notícias


Aplicativo para iPhone auxilia no acompanhamento da ferrugem da soja

Publicada em 23-11-2010


O Consórcio Antiferrugem, que faz o monitoramento da dispersão da ferrugem asiática da soja no Brasil, tem novidades para técnicos e produtores que acompanham a evolução desta doença que custa cerca de U$ 2 bilhões, por safra. As informações sobre dispersão da doença no decorrer das últimas safras, o mapa com as atualizações sobre novos focos, entre outras informações antes reunidas no site www.consorcioantiferrugem.net passam a estar disponíveis também para equipamentos com a plataforma IOS (iPhone, iPad e iPod touch).



O aplicativo foi desenvolvido pelo estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Universidade de Passo Fundo (UFP) José Henrique Andreis, sob a orientação do professor Willingthon Pavan, que compõe o grupo de pesquisa Mosaico.

Segundo Pavan, desde o início de outubro, quando o aplicativo foi oferecido, foram registrados mais de 150 downloads. Desse total, 63% são do Brasil, 29% dos EUA e 8% de países, como Argentina, França, Japão e Grécia.

A primeira ocorrência de ferrugem da soja na safra 2010/2011, foi registrada em São Miguel do Araguaia (GO), no dia 22 de setembro de 2010, no estádio R6. Para acompanhar a evolução da doença, consulte o site do Consórcio Antiferrugem ou instale o aplicativo para iPhone, denominado Consórcio Antiferrugem.

Fonte: Embrapa Soja