Notícias


-milho: conab estima safra total 2008/09 de 49,449 milhões de t

Publicada em 13-07-2009


O décimo levantamento de plantio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a safra brasileira de milho de 2008/09 divulgado há pouco indicou uma área plantada com as duas safras - de verão e safrinha - de 14,140 milhões de hectares, numa variação negativa de 4,2% se comparado à última temporada, quando foram semeados 14,765 milhões de hectares. A Conab trabalha com uma produtividade média nacional de 3.497 quilos por hectare, 12,0% inferior à média de 3.
972 quilos por hectare de 2007/08.

A confirmar essas previsões, a produção brasileira de milho de 2008/09 deve atingir 49,449 milhões de toneladas, uma variação 15,7% inferior a da última temporada (2007/08), quando o Brasil colheu 58,652 milhões de toneladas do cereal.

O milho 1a. safra tem área estimada de 9,228 milhões de hectares, com retração de 4,2% se comparado à 2007/08, quando a área ficou em 9,635 milhões de hectares. A produtividade indicada é de 3.604 quilos por hectare, 13,1% inferior à de 4.148 quilos por hectare de 2007/08. A produção de milho primeira safra é projetada em 33,259 milhões de toneladas, volume 16,8% menor a de 39,964 milhões de toneladas de 2007/08.

Já o milho 2a. safra (safrinha) tem área estimada em 4,912 milhões de hectares, queda de 4,2% frente a área de 5,130 milhões de hectares cultivada na temporada 2007/08. A Conab trabalha com uma produtividade de 3.296 quilos por hectare, 9,5% abaixo dos 3.643 quilos por hectare colhidos na temporada passada, o que deve levar a uma produção de 16,190 milhões de toneladas. Esse volume, se confirmado, será 13,4% menor frente à última safrinha, de 18,688 milhões de toneladas.

O Paraná, primeiro produtor nacional do cereal, teve uma indicação de retração de 6,6% na área de plantio frente aos 2,979 milhões de hectares cultivados na safra passada, estimada em 2,783 milhões de hectares em 2008/09 (primeira e segunda safras juntas). A produção paranaense de milho está estimada em 11,008 milhões de toneladas (primeira e segunda safras), contra 15,368 milhões de toneladas de 2007/08, com retração de 28,4%.

O Mato Grosso deverá colher safra de 6,887 milhões de toneladas, 11,8% menor ante a safra passada, de 7,806 milhões de toneladas. A área cultivada deverá fechar com recuo de 10,9%, caindo de 1,834 milhão de hectares para 1,634 milhão de hectares. A produtividade média deverá alcançar 4.213 quilos por hectare, recuo de 1,0% ante o rendimento de 4.255 quilos por hectare registrado na temporada 2007/08.

Fonte: Último Segundo