Notícias


Milho: centro-sul registra perdas na produtividade média - conab

Publicada em 09-06-2009


De acordo com a avaliação da Companhia Nacional de Abastecimento, que divulgou hoje o nono levantamento para a safra de grãos 2008/09, a colheita do milho 1a safra está finalizada nos principais polos produtores nacionais, com exceção da região Nordeste onde, apesar das adversidades climáticas, a cultura atravessa o excelente estágio de enchimento de grãos. Conforme divulgado no levantamento anterior (maio/2009), o estado do Ceará, indicava índices recordes de produtividade, todavia fatores climáticos adversos frustraram as expectativas iniciais.
Registraram-se perdas importantes de produtividade média na região Centro-Sul do País, na ordem de 6,3%, motivadas principalmente pela estiagem na fase de desenvolvimento vegetativo e floração.

Em relação ao milho 2a safra, as estimativas indicam reduções expressivas de áreas na região Centro-Oeste, notadamente nos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com 9,2% e 8,5% respectivamente. Em Minas Gerais são projetadas reduções tanto em áreas como em produtividade, refletindo assim os baixos preços praticados pelo mercado.

Iniciou-se a colheita do cereal no Estado de Mato Grosso, porém de forma tímida tendo em vista uma inversão climática instalada, inviabilizando a continuidade dos trabalhos. Diante desse cenário, a produção nacional, considerando a primeira e segunda safra de milho que atingiram 58,65 milhões de toneladas na safra passada, deve cair agora para 49,88 milhões de toneladas. Com isso, a previsão é de que haja um recuo, em termos percentuais, de 15,0% e, em valores absolutos, de 8,77 milhões de toneladas, comparativamente ao ciclo anterior.

Fonte: Último Segundo