Notícias


Embarque de soja caiu 40% em agosto, informa MDIC

Publicada em 02-09-2008


As exportações brasileiras de soja em grão caíram 40,8% para 2,358 milhões de toneladas em agosto, ante 3,984 milhões de toneladas embarcadas em julho, informou a Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Na comparação com o mesmo período do ano passado, quando 2,674 milhões de toneladas foram enviadas ao exterior, a queda foi de 11,8%.

Os embarques de agosto renderam US$ 1,22 bilhão, ante US$ 1,9 bilhão em julho e US$ 763,4 milhões em agosto do ano passado. O preço médio da tonelada de soja subiu 8,3% para US$ 517,2 ante US$ 477,5 em julho. Na comparação com o mesmo período do ano passado, quando o preço foi de US$ 285,5, o aumento foi de 81%.

No acumulado do ano, porém, as exportações brasileiras de soja em grão aumentaram 8,58%, para 20,1 milhões de toneladas entre janeiro e agosto, ante 18,51 milhões de toneladas no mesmo período de 2007. O faturamento disparou 77% para US$ 8,883 bilhões, ante US$ 5,017 bilhões entre janeiro e agosto de 2007.

Derivados

De acordo com a Secex, os embarques de farelo de soja recuaram em agosto para 953,8 mil toneladas, ante 1,386 milhão de toneladas em julho e 1,38 milhão de toneladas em agosto de 2007. O faturamento atingiu US$ 362,7 milhões, ante US$ 536,5 milhões em julho e US$ 321,7 milhões em agosto do ano passado. O preço médio da tonelada do produto ficou praticamente estável ante o mês anterior, US$ 380,2 ante US$ 387 em julho. No ano passado a tonelada de farelo valia US$ 233,2 nesta época do ano.

Quanto ao óleo de soja, 162,6 mil toneladas foram embarcadas em agosto, ante 266,2 mil em julho e 183,6 mil toneladas em agosto de 2007. O faturamento alcançou US$ 197 milhões no mês passado, ante US$ 319 milhões em julho e US$ 138,6 milhões em agosto passado.

Algodão

As exportações brasileiras de algodão aumentaram 11% em volume para 48,7 mil toneladas em agosto com uma receita de US$ 64,3 milhões, ante embarques de 43,7 mil toneladas e rendimento de US$ 53,1 milhões no mesmo período do ano passado, de acordo com informações da Secex. O preço médio da tonelada de algodão embarcada pelo Brasil ficou em US$ 1.319, ante US$ 1.217 na mesma época do ano passado. (Ana Conceição)

Agência Estado