Notícias


Soja permanece como principal fonte de biodiesel

Publicada em 21-08-2008


SÃO PAULO, 19 de agosto de 2008 - A soja continuará sendo o principal insumo para a produção de biocombustível no Brasil pelos próximos 10 anos. A afirmação é do economista da RC Consutores, Fábio Silveira, coordenador do estudo sobre o futuro do mercado de etanol e de biodiesel, encomendado pela Federação do Comércio do Estado de São Paulo (Fecomercio).


Segundo ele, atualmente, o custo de produção está alto por causa do valor da soja no mercado internacional, impulsionado, principalmente, pelo aumento da produção de milho nos Estados Unidos. ´Mas é uma alternativa energética a mais. Não pode ser desconsiderada.´


O economista diz que o grande rival do Brasil no biodiesel de soja é a Argentina. ´Nossos vizinhos estão mais preparados em relação aos custos de produção, logística e políticas de incentivo.´


De acordo com Silveira, os grandes importadores desse biocombustível seriam União Européia e Japão. ´Porém, o Brasil não tem capacidade de gerar muitos excedentes.´ O economista diz que essa fatia do mercado será explorada pela Argentina.


InvestNews