Notícias


Desvalorização de 11,63%

Publicada em 12-06-2007


Queda do dolar prejudica preço da arroba do algodão

A arroba de algodão teve desvalorização de 11,63% desde a época do plantio devido à depreciação do dólar em relação ao real. Quando a lavoura foi semeada, a arroba estava cotada a R$ 43. Agora, a mesma quantidade do produto está sendo negociada a cerca de R$ 38 na região sul de Mato Grosso, que concentra mais de 60% da produção mato-grossense.

Conforme o presidente do Núcleo região sul da Ampa, Christopher Barry Ward, apesar disso, cerca de 60% da produção já estão comprometidas por meio de contratos futuros ou foram negociadas com as tradings em troca de insumos. “Os produtores ficarão com apenas 40% da produção física”.

Ward explica que como os preços internacionais estavam atrativos no fim do ano passado, os produtores também já negociaram boa parte da produção das próximas safras. Ele calcula que de 30% a 40% da safra 07/08 e em torno de 20% do que será colhido na temporada 08/09 já estão negociados em Mato Grosso.

As lavouras de algodão empregam três vezes mais mão-de-obra que as de soja ou milho, de acordo com o consultor da Ampa, Wilhelmus Uitdewilligen. Segundo ele, não há dados precisos sobre a quantidade de pessoas empregadas nas plantações de algodão, mas por ser mais tecnificada, a produção da pluma exige trabalhadores mais qualificados e em maior quantidade.

Fonte: Diário de Cuiabá