Notícias


Soja: Argentina pressiona

Publicada em 29-05-2008


Os contratos futuros da soja negociados no mercado americano registraram ganhos ontem, depois que os agricultores da Argentina disseram que irão interromper os embarques de grãos ao exterior como protesto contra as tarifas de exportação.

"A situação argentina pressiona ainda mais o Brasil e os Estados Unidos", diz Don Roose, presidente do U.S. Commodities, em Iowa. Na bolsa de Chicago, os papéis com vencimento em julho subiram 25 centavos - 1,9% - e encerraram o dia cotados a US$13,7275 por bushel.

A Argentina é o terceiro exportador de soja do mundo, atrás dos EUA e Brasil. No mercado doméstico, a saca de 60 quilos da soja ficou em R$ 45,80, com alta de 0,37%, segundo o indicador Cepea/Esalq. No mês, a commodity acumula alta de 2,69%.


Fonte: Valor Econômico